O que podemos aprender com o E-Commerce chinês?

O que podemos aprender com o E-Commerce chinês?

Site - Loja Virtual - E-Commerce - Comércio Eletrônico – Dicas - Estratégias

Olá, amigos da Netface!

Há dois anos, em 2019, participei de um curso com uma renomada profissional de Tecnologia do Brasil, ao qual ela falou que as maiores inovações tecnológicas e de marketing surgem, primeiro, lá do outro lado do mundo, ou seja, é na China e na Índia que surgem a grande parte das inovações, e que estas seguem o seguinte caminho: de lá vão para a Europa, depois para os Estados Unidos e por último, vem para a América Latina. E que toda esta trajetória, da China até no Brasil, leva-se em média uns 20 anos.

Isso nos mostra que o que estamos vivendo hoje no mercado de tecnologia, é o que a China viveu há 10 ou 20 anos atrás.

Para quem já é nosso cliente sabe que nosso foco de estudos e de trazer novidades tecnológicas sempre foi à frente do mercado atual e, que na maioria das vezes, muitos clientes acabavam nem entendendo o que estávamos falando, pois o que trazíamos estava muito longe da realidade deles, pois estávamos trazendo justamente o que estava acontecendo lá do outro lado do mundo.

Trago tudo isso pois o que já falávamos para os clientes a anos atrás, somente agora eles estão entendendo. 

E tudo isso tem a ver com o que está acontecendo com o E-Commerce no Brasil, coisas que já aconteciam no E-Commerce chinês a muitos anos atrás.

Enfim, toda esta história conto para mostrar o quanto os empreendedores estão atrasados no que diz respeito de como as vendas online acontecem do outro lado do hemisfério e como podemos aprender com elas.

Por lá, as novidades acontecem de uma maneira extremamente rápida e ágil. E a forma como eles se adaptam às mudanças também não é diferente. Bastou acontecer alguma coisa, e as empresas já estão mudando a forma de fazer os seus negócios, e tudo isso de maneira muito rápida.

Prova disso é que o comércio eletrônico na China representou 30% das vendas do varejo total em 2019, enquanto no Brasil, chegou a somente 5%. 

Tanto o comércio em geral, como o mercado eletrônico chinês, é muito mais maduro que o nosso e o que temos que fazer é aprender com eles, estar atentos às suas estratégias e ao que eles estão usando no momento.

O que se percebe é que o E-Commerce chinês tem grande foco no uso de novas tecnologias, na personalização dos ambientes e nos vários canais de atendimento, tudo para trazer uma melhor experiência aos consumidores.

Alguns pontos em que eles trabalham fortemente são:

1 - A integração tecnológica entre os diversos canais da empresa - o omnichanel.

2 - O marketing personalizado por cliente e segmento, trazendo uma melhor experiência ao cliente.

3 - Eles elaboram excelentes ofertas e promoções de verdade para conquistar os consumidores.

4 - A logística deles funciona de maneira extremamente rápida.

5 - Eles trabalham fortemente com influenciadores.

Estes cinco pontos principais fazem com que eles se tornem ótimos no que estão fazendo, e ótimo aqui quer dizer que as estratégias que eles estão fazendo estão dando certo para o mercado em que atuam.

E se está dando certo, por que não se inspirar nestas estratégias? Por que esperar para ver as coisas acontecerem? 

Vamos transformar já o modo de como fazer os negócios.

Aproveitar que a maioria das pessoas hoje tem acesso à internet, que estão fazendo praticamente tudo através dos seus smartphones e que as compras online estão fazendo parte da nossa realidade a cada dia que passa.

Os empreendedores digitais precisam estar atentos às novas tecnologias e novidades do comércio eletrônico, isso não é mais capricho, mas necessidade de se manter no mercado.

Enfim, espero que esta conversa tenha chacoalhado você.

Fique ligado ao nosso próximo conteúdo que falaremos um pouco mais sobre estas estratégias.

Continue conosco!

Um grande abraço e até mais.

Atendimento via WhatsApp
Este site pode utilizar cookies para segurança e para lhe assegurar uma experiência otimizada. Você concorda com a utilização de cookies ao navegar neste ambiente? Conheça a nossa Política de Privacidade.