Desafios e vitórias do Empreendedorismo Feminino

Desafios e vitórias do Empreendedorismo Feminino

Mulheres Empreendedoras - Mulheres - Empreendedorismo Feminino

Como estamos na semana das mulheres, nada melhor do que falarmos delas ou de nós, porque também sou mulher, assim como você, que está lendo este artigo, ou para vocês, homens, que também estão aqui e que têm uma mulher na sua vida, seja mãe, irmã, esposa ou filha.

E como sabemos, as mulheres têm se mostrado cada vez mais presentes no mundo dos negócios e elas vêm quebrando várias barreiras e preconceitos num setor que era exclusivamente de homens até pouco tempo atrás.

Até hoje, as mulheres ainda enfrentam um ambiente empresarial e social hostil e menos acolhedor, e é por isso que buscamos nos superar a cada dia, redobrando nossas forças, alimentando a nossa coragem e fomentando a nossa fé.

E para entender um pouco isso, eu trouxe alguns dados que mostram uma realidade no mundo feminino:

- as mulheres, que são donas do próprio negócio, ganham em média 22% menos que os homens na mesma posição;

- 44% das mulheres começam a empreender por necessidade, enquanto isso acontece em apenas 32% dos homens;

- a maioria das mulheres empreendedoras trabalham no próprio domicílio, enquanto os homens não;

- as mulheres empreendedoras tem menor acesso e tomam menos empréstimos nos bancos;

- elas dedicam 73% a mais de horas que os homens em tarefas domésticas, e isso explica porque, muitas vezes, sua renda e faturamento são menores;

- durante a pandemia, 25% de mulheres a mais que os homens perderam o emprego ou tiveram que sair para ficar em casa com os filhos e conciliar as tarefas, estudos e trabalho.

Com isso, vê-se que os números das desigualdades são muitos, sem falar do preconceito, da dupla jornada, das dificuldades de acesso, da maternidade e da falta de autoconfiança que diminuem a capacidade da mulher, pois ela está abrindo mão, o tempo todo, de seus sonhos e objetivos, sempre em função dos outros. Isso tudo alimenta um sentimento de não ser boa o suficiente, um medo de falhar o tempo todo, uma sensação de que tem que provar a sua força e coragem a cada instante.

Mas como tudo, sempre tem o lado bom a ser visto, e aqui quero mostrar que estes desafios são sim, difíceis e duros de serem lidados no dia a dia da mulher, mas aí vem a parte positiva - é por causa deles que nos superamos e buscamos ser melhores a cada momento. 

Esses desafios devem ser vistos como oportunidades, pois trazem uma forma diferente de nos posicionarmos diante deles e enfrentarmos as situações.

Por isso, nós temos que mudar a opinião que adotamos a respeito de nós mesmas, pois isto afeta profundamente a maneira pela qual conduzimos a nossa vida.

Temos que saber que somos capazes de nos modificar e se desenvolver por meio do esforço e da experiência, e que esses desafios, na verdade, são oportunidades para pensarmos fora da caixa, para sairmos da zona de conforto, para mudarmos as nossas crenças e a nossa mente

Quando nos permitimos enfrentar os desafios, estamos dando asas as nossas capacidades para que se desenvolvem e se frutifiquem. 

Precisamos juntar todas as nossas dores e os nossos medos e transformar em um desempenho poderoso, mostrar as nossas qualidades de heroínas e fazer da derrota, a vitória e o triunfo.

Caráter, coração, força de vontade e mentalidade de campeão - tudo isso é o que faz você vencer e buscar no fundo de si mesma o que é necessário para aquilo que você precisa fazer ou transformar na sua vida.

Por isso, queridas mulheres, vamos nutrir a fé diariamente e fazer com que ela nos dê a coragem necessária para enfrentarmos todas as dificuldades e transformar estas em oportunidades.

Feliz semana para todas as mulheres empreendedoras!

E para você, que quer tirar as suas dúvidas ou apenas trocar uma ideia, mande um e-mail para mim no silvia@netface.com.br e escreva no assunto "Quero saber" que entrarei em contato para conversarmos.

Até o nosso próximo conteúdo.

Atendimento via WhatsApp