9 tecnologias que fazem 20 anos em 2019

Começamos 2019 homenageando quem vai assoprar 20 velinhas nos próximos meses no mundo da tecnologia, sejam empresas, produtos ou serviços. Confira abaixo nove invenções tecnológicas de 1999:


1. Blackberry

A empresa Research in Motion, ou RIM, foi fundada no Canadá em 1984. Mas ela só atingiu o seu auge em 99, com o lançamento do RIM-850, ou Blackberry. Ele foi a terceira geração de um pager lançado pela empresa, e ganhou esse apelido porque as teclas na cor preta e bem separadas entre si tinham um formato que lembrava uma amora.

O primeiro BlackBerry ganhou o mercado corporativo e virou favorito no meio político por ter email, agenda de contatos e compromissos e portabilidade. Atualmente, a BlackBerry diminuiu a crise dos últimos anos, mas desistiu do sistema operacional próprio e lança smartphones com Android.


2. iBook

A Apple também tem produto na lista. O laptop iBook original é de 1999 e focava num público de entrada ou mercados da área da educação. Os modelos eram bem coloridos no estilo do iMac e tinham um formato concha, mais curvo que o normal. O iBook tinha processador PowerPC G3, até 64 Mega de RAM e tela de 12 polegadas, de 800 por 600 pixels.


A grande contribuição histórica dele ser um dos primeiros produtos para o consumidor com uma conexão WiFi, chamado de AirPort no caso da Apple. A família durou até 2006, quando foi substituída pelos MacBooks, que fazem sucesso até hoje.


3. AIBO

O cachorro robô da Sony foi uma revolução quando foi apresentado em maio de 99. Ele era o melhor do amigo do homem em versão artificial, andava como um cachorro, se parecia com um e até seu nome significa “companheiro” em japonês. A primeira edição do AIBO era limitadíssima e esgotou em menos de meia hora, mas vários outros modelos foram lançados ao longo dos anos. Em 2018, a Sony reviveu a família de robôs com um novo AIBO bem mais evoluído, mas ainda com um preço bem salgado.



4. Emojis

Hoje muitas pessoas expressam suas emoções na internet usando pequenas “carinhas” virtuais, mas poucos sabem que os emojis são mais velhos do que imaginamos. A primeira dessas carinhas virtuais foi criada no Japão por Shigetaka Kurita, um funcionário da operadora NTT DoCoMo.


Ele se inspirou em sinais usados na previsão do tempo, em placas de trânsito e expressões comuns entre as pessoas ao seu redor. O primeiro pacote de emojis tinha 176 ilustrações, quase nenhuma se parecendo com um rosto de verdade, mas já com vários que usamos até hoje. Cada operadora foi criando o próprio estilo, até que em 2010 o Unicode começou a sugerir um padrão visual de significados.


5. Pendrives USB

Você ainda usa pendrives USB, que salvam vidas na transferência e no armazenamento de arquivos? Essa tecnologia, que são flashdrives no original em inglês, teve a primeira patente publicada em 1999. A responsável foi a companhia israelense M-Systems, enquanto um funcionário da IBM insiste que ele foi o responsável pela criação do acessório ainda naquele ano.


O fato é que os primeiros modelos na verdade só saíram no ano seguinte: o ThumbDrive, da empresa Trek 2000 e o DiskOnKey, da própria IBM em parceria com a M-Systems.


6. Bluetooth

A tecnologia que permite parear dispositivos entre si, como controles e consoles de jogos ou celulares e fones de ouvido, também já é bem antiga. O primeiro padrão de uso do Bluetooth 1.0 foi lançado em 1999 com os protocolos de conexão de baixo custo de energia e foi adotado rapidamente por várias fabricantes diferentes. Aliás, o nome, que foi escolhido no ano anterior, remete ao rei Harald Gormsson, que tinha realmente um dente da cor azulada, e unificou Noruega e Dinamarca.



7. Napster

Se você algum dia já baixou músicas na internet, a culpa é do Napster. Isso porque ele foi um dos primeiros softwares de troca de arquivos MP3 pelo método peer-to-peer (ou P2P: formato de rede em que o computador de cada usuário conectado acaba por realizar funções de servidor e de cliente ao mesmo tempo). Foi ele que começou toda a discussão sobre pirataria e direitos autorais na internet, especialmente após processos da banda Metallica e do rapper Dr. Dre. Depois dele, vários softwares parecidos nasceram, como o Kazaa e o LimeWire, além dos legalizados muitos anos depois, como Deezer, Spotify e Apple Music. O cofundador Shawn Fanning virou investidor de startups, enquanto o sócio Sean Parker é menos discreto, foi executivo do Facebook, foi interpretado no cinema por Justin Timberlake e hoje faz investimentos e filantropia.



8. Blogger

O serviço Blogger, criado pela Pyra Labs e depois comprado pela Google, também nasceu em 1999. Essa foi a primeira plataforma de conteúdo de muita gente, que tem saudades da terminação blogspot.com daquela época de ouro da internet. Ele sempre foi mais simplificado que o Wordpress e tem todas as funções gratuitas, e até por isso preferido por muita gente. Em 2006, foi totalmente redesenhado e existe até hoje, mesmo com a concorrência bem maior.



9. Pentium III

A Intel também tem que comemorar. Em fevereiro de 99, saía a geração Pentium 3 de processadores, um ganho considerável em relação aos modelos passados. Ele foi por bastante tempo o carro chefe da empresa pra tarefas como renderização 3D e consumo multimídia, e teve inúmeras variações nas especificações técnicas. Ele foi aposentado em 2003.



Fonte: https://www.tecmundo.com.br/mercado/137732-12-tecnologias-20-anos-2019-video.htm

Atendimento via WhatsApp